Fenapef convoca os policiais federais para atuarem junto aos deputados contra a PEC 287

10 de maio de 2017

A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) convoca todos os sindicalizados a participarem da luta contra a PEC 287/16 de reformada da Previdência. A convocação visa mobilizar todos os policiais federais a se integrarem à luta contra a proposta que viola direitos duramente conquistados pelos trabalhadores públicos e privados do Brasil.

A pressão aos parlamentares pode ser feita pelo site “placardaprevidencia.com.br”, criado para defender a aposentadoria e combater a reforma da Previdência. No site consta nominalmente os parlamentares que são favoráveis e contrários à reforma e ainda os indecisos. Com apenas um clique é possível enviar email para todos os deputados, com mensagem contra a PEC 287.

“Precisamos que todos os policiais federais entrem nessa luta e ajudem a pressionar os deputados federais e senadores, bem como os deputados estaduais, vereadores e prefeitos, para combaterem essa PEC 287 como um todo. Se for aprovada, causará grandes prejuízos aos policiais federais, aos profissionais de segurança pública e todos os trabalhadores, sendo um retrocesso para o Brasil”, alerta o Presidente da Fenapef, Luís Boudens.

O Vice-Presidente da Fenapef, Flávio Werneck denuncia que se a PEC 287 for aprovada, impedirá que muitos policiais se aposentem; “A aposentadoria passará a ter natureza de um auxílio, que já vem sendo apelidado de auxílio caixão”. Werneck propõe que seja feita uma auditoria nas contas da Previdência Social e, somente se faltar dinheiro, é que deve ser iniciada uma reforma na previdência.

A atuação parlamentar também será desenvolvida sob a coordenação dos Sindicatos dos Policiais Federais nos 27 Estados da Federação e tem como objetivo visitar cada um dos Deputados e Senadores que irão votar a proposta de reforma. “A atuação parlamentar tem sido intensa em Brasília, mas precisamos que os sindicatos atuem junto aos parlamentares e somem forças a esse processo“, afirma Marcus Firme, Diretor Parlamentar da Fenapef.

Situação da Tramitação da PEC 287 no Congresso Nacional

Na última terça-feira (3) o parecer do texto de Reforma da Previdência – PEC 287/16 do relator, deputado Arthur Maia, foi aprovado na Comissão Especial de Reforma da Previdência por 23 votos a favor e 14 contra.

Nesta terça-feira (9) a Comissão Especial de Reforma da Previdência votou, a portas fechadas, e derrubou todos os destaques (espécie de emendas ao texto da PEC 287), que tentavam alterar o texto para deixá-lo menos prejudicial. A Comissão de parlamentares, indicada pelo Governo para defender a PEC 287, foi  maioria na comissão.

A PEC 287/16 segue agora para votação pelo Plenário da Câmara dos Deputados e será aprovada se obtiver o voto de 308 deputados.


Agência Fenapef

Outras notícias